travessia 14 bis,travessia,santos-bertioga


PÁGINA INICIAL

DESCRIÇÃO DA PROVA

VENCEDORES

RESULTADOS

PERGUNTAS FREQUENTES

FOTOS

VÍDEOS

FALE CONOSCO

tábuas das marés

Perguntas Frequentes

Os atletas que pela primeira vez demonstram interesse em participar da Travessia 14 Bis procuram esclarecimentos para suas principais dúvidas. Confira a lista abaixo e, caso necessite de informações adicionais, entre em contato conosco pela página do site.

  1. Qual a distância da travessia?

O percurso possui aproximadamente 24km, com largada no Forte São João, em Bertioga e chegada na Base Aérea de Santos, em Guarujá.

  1. Qual o tempo médio da travessia?

O tempo varia de acordo com o nível técnico do atleta e condições da prova (correnteza, temperatura da água, ventos, marolas, etc). A duração pode variar de 5 a 10 horas, sendo 10 horas o limite estabelecido pelo regulamento da prova.

  1. Qual a temperatura água?

A temperatura oscila durante todo o percurso entre 22oC e 25oC.

  1. Quando é realizada a prova?

A 14 Bis é normalmente realizada no mês de novembro, num sábado com maré favorável à prova.

  1. Como faço para me inscrever?

As inscrições são feitas sempre pela internet. A partir de 2014, o link de inscrições estará no próprio site da prova.

  1. Qual o valor da inscrição?

Pode acontecer de os organizadores cobrarem uma taxa de inscrição para manter os custos de infraestrutura. Informe-se no momento da inscrição.

  1. Qual o treinamento necessário para nadar a prova?

Depende de seu objetivo. Se for para apenas completar a prova, sugerimos um bom treinamento aeróbico, com ênfase na resistência física. Se for para tentar se classificar entre os primeiros, além do treinamento aeróbico será necessário um trabalho de força muscular. Converse com o seu técnico, com outros treinadores e também com atletas que já participaram da prova.

  1. Qual a alimentação necessária nas semanas que antecedem a prova?

Sugerimos uma alimentação balanceada, rica em carboidratos e proteínas. Mas é importante consultar profissionais qualificados (médico e nutricionista) para avaliar sua condição física e também estabelecer um cardápio não só para a prova, mas para todos os meses de treinamento que antecedem o evento.

  1. Qual a alimentação necessária durante a prova?

Sugerimos 200 a 250ml de carboidrato líquido (maltrodextrina) a cada 30 minutos e um sachê de gel (Carb-up, Power Gel) a cada 60 minutos. Alguns atletas preferem alimentação sólida, como bolachas e banana, porém em alguns casos podem causar mal estar. Busque a orientação de um nutricionista.

  1. Qual a alimentação necessária após a prova?

Sugerimos alimentos ricos em carboidratos e de fácil digestão. Evite doces, refrigerantes, frituras e alimentos gordurosos. A organização da prova oferece todos os anos uma sopa quente aos atletas.

  1. Qual a premiação?

São distribuídos troféus aos 3 primeiros colocados no geral e por categoria, além de uma medalha e um diploma de participação (impresso pela internet) a todos que completam a travessia. Não há premiação em dinheiro.

  1. Que tipo de suporte se deve ter para realizar a travessia?

Jamais tente fazer a travessia sozinho. A partir de 2014 passa a ser obrigatório, por exigência das normas da FINA, que cada atleta tenha o suporte INDIVIDUAL de um barco e/ou caiaque. De preferência, conduzidos por profissionais que conheçam: a) o percurso do canal; b) as características do percurso; c) a alimentação dos atletas; d) o stress envolvido durante a prova.

  1. Além do cansaço, quais as outras dificuldades enfrentadas nesta travessia?

Existem vários fatores: a) a correnteza que, por vezes, pode estar contrária; b) a temperatura da água, que oscila muito durante o percurso; c) os troncos de árvores localizados não só na margem, mas no meio do canal; d) as águas vivas, mais frequentes em anos com água mais quente.

  1. Se sentir dor, posso tomar medicação durante a prova?

Jamais tome qualquer tipo de medicação por conta própria. Consulte o seu médico.

  1. Como evitar assaduras pelo atrito nas articulações e do maiô (mulheres)?

Recomendamos passar vaselina sólida. Mas não exagere! Além de proteger das assaduras, protege minimamente contra o frio e queimaduras feitas por água viva. Se tiver algum tipo de alergia, consulte seu médico.

  1. Se eu for queimado por água viva, o que fazer?

Alguns atletas são alérgicos a queimaduras por água viva. Se o local das queimaduras apresentar inchaço e se você tiver náusea, vômito, febre, procure um médico imediatamente. O Núcleo da Base Aérea de Santos oferece suporte médico na chegada.

  1. Posso nadar equipado – com nadadeira, roupa de neoprene e/ ou palmar?

Não. A prova não dispõe, no momento, da categoria “equipado”. A partir de 2014 valem as normas da FINA - logo, não será permitido o uso de roupas com zíper, tampouco as de borracha ou neoprene.

  1. A que horas eu chego no local de largada para o início da prova?

Por se tratar de uma travessia de grande monta, que exige preparação e instruções prévias, recomendamos uma antecedência de 120 minutos em relação ao horário anunciado. Acompanhe as instruções no Regulamento da prova, onde serão fornecidas maiores informações.

  1. Existe a modalidade de revezamento para esta prova?

Ainda não dispomos desta modalidade.

  1. Qual é a idade mínima para fazer esta prova? E qual a idade máxima?

A partir de 2014, a idade mínima é 14 anos completos até o dia 31 de dezembro. Não há idade máxima.

  1. Posso usar alguma roupa de neoprene?

Não é permitido o uso de NENHUMA roupa que auxilie na flutuabilidade do atleta e o neoprene se enquadra aí. Você pode usar exclusivamente roupas permitidas pelas normas da FINA.

  1. Como faço para alugar um barco? Eu venho de longe e não tenho contatos com os barqueiros/ canoístas das redondezas.

A organização não dispõe de contatos com barqueiros ou canoístas. Sugerimos que você converse com os demais atletas que farão a prova - há pelo menos dois grupos no Facebook sobre a 14 Bis - e consiga alguma recomendação da parte deles.

  1. Onde devo me hospedar? Eu venho de longe e não tenho contatos com os hoteis e pousadas da região.

Idem à pergunta anterior.


Algumas das explicações acima estão sujeitas a alterações pelos organizadores da prova, quando estes julgarem necessário.

Se você faz parte da equipe de apoio que está organizando a prova para seu(s) atleta(s), leia algumas Recomendações Adicionais.

Se você quer ler coisas engraçadas – que não deixam de apresentar um fundinho de verdade, leia nossa página de Perguntas Idiotas e Respostas Cretinas.



Prefeitura de Bertioga
Prefeitura de Guarujá
Superação no Canal da Mancha
Academia Atlantis